Toyota 50 anos Toyota 50 anos


50
anos,

a Toyota veio para ficar consigo.

Em 1968, Salvador Caetano trouxe para Portugal a Toyota e a vontade de fazer história. E fez. 50 anos depois, fazemos parte das histórias de muitos portugueses.

10 curiosidades quase secretas sobre a Toyota em Portugal

Depois de 50 anos a dar aos portugueses alegrias automóveis, a Toyota acumulou uma série de curiosidades que passam despercebidas à maioria. O aniversário da marca no nosso país é o pretexto ideal para o desvendar.
1. A artista Joana Vasconcelos fez um carro para a Toyota
O modelo iQ “Urban Art” resultou de uma parceria com a conceituada artista plástica Joana Vasconcelos. Ao todo, foram personalizados apenas 5 automóveis, cada um com um padrão único assinado pela artista.
2. Hilux, o favorito dos mineiros
Lançada em 1968, a icónica pick-up Hilux deixa marcas por onde passa. Há décadas que é o modelo escolhido para integrar a frota das explorações da Somincor em Neves Corvo. A maior longevidade, robustez e o facto de estas pick-up suportarem bem o ambiente das minas sem sucumbirem à corrução, fazem da Hilux a escolha óbvia.
3. Há um Toyota no teto do museu do Futebol Clube do Porto
É verdade. Os visitantes do museu do Futebol Clube do Porto são surpreendidos por esta instalação. Pendurado bem no alto está o automóvel oferecido pela Toyota a Madjer no dia em que foi eleito melhor jogador em campo, na Taça Intercontinental de 1987.
4. Os fãs do Prius são a sério
O cliente português João Prates, um dos primeiro a apaixonar-se pelo modelo Prius, criou por iniciativa própria um fórum online só para fãs. A sua dedicação vai tão longe que até já participou na produção de anúncios internacionais do Prius, tendo mesmo feito parte do elenco.
5. A Toyota Hiace dá-se bem no grande ecrã
Depois de ter um papel essencial no enredo do livro Índice Médio de Felicidade, de David Machado, a Hiace notabilizou-se ainda mais. Quando o livro foi adaptado ao cinema, a carrinha esteve à altura do desafio. Basta ver como fica bem no cartaz, juntamente com os atores.
6. A Toyota aposta na escolarização
Em Portugal, a escola de formação de técnicos da Toyota confere aos formandos equivalências ao 6.º, 9.º e 12.º ano de escolaridades. Quem passa pela Escola Vocacional de Salvador Caetano, sai com mais competências.
7. Uma boa relação com a publicidade
Até à década de 90, a agência de comunicação da Toyota foi a Sonarte. O apresentador e ator Artur Agostinho estava então à frente da agência e esteve envolvido em campanhas icónicas durante muitos anos. Para além do famoso slogan “A Toyota veio para ficar", a Sonarte criou campanhas inesquecíveis como o single "Um amor para toda a vida" , na voz de Inês Soares.
8. Há um bosque Toyota em Portugal
A campanha de incentivo à reflorestação, intitulada “Um Toyota Uma Árvore”, não é o único gesto da marca em prol da natureza.

Desde 2018, ano que se celebra o 50.º aniversário da Toyota em Portugal, há um bosque com mais de 5 hectares junto à sede da empresa. Este bosque Toyota serve a comunidade de Vila Nova de Gaia e todos os amigos da floresta.
9. Refeições para quem mais precisa
Há mais de 8 anos, desde 2010, que a Toyota garante cerca de 120 refeições diárias aos utentes dos centros socais de Oliveira do Douro e de Ovar. Vindas diretamente das cantinas da Toyota, estas refeições garante um prato a quem mais precisa.
10. Uma caixa chamada Toyota
Entre 2005 e 2006, a Toyota teve um espaço cultural temporário em Lisboa, por onde passaram espetáculos como o Fuerza Bruta, conhecido pelos efeitos visuais extraordinários. Situada na Doca de Alcântara, a Toyota Box fez parte da movida da capital durante dois anos.
Dentro de 50 anos a Toyota conta ter outras tantas curiosidades para partilhar. O que é bom nunca se esquece.