Toyota 50 anos Toyota 50 anos

Histórias
reais

Jairo Gomes
Jairo Gomes

Clube

GhostShark

Tudo começou em 2002, quando nos meus 20 anos o meu pai apareceu com um GT twin cam em casa, emprestado, por uma oficina da Porsche, que era o carro de substituição aquando as revisões dos Porches demoravam mais de 2 dias. A bem dizer, Toyotas já havia na família, ta22 do tio , kp61 que já tinha me passado nas mãos, mas foi o meu pai ao me deixar conduzir aquele ae86 que a coisa mudou. quando voltamos a casa depois entregar o carro, comecei a pesquisar na internet , jornais do dia, em todo lado , onde eu iria encontrar um carro destes a venda. Pois em maio de 2003 vi um no jornal, fiz 200klm para o ver, o carro não tinha nada a ver com o que eu tinha andado, todo abandalhado, pintura muito má, ajustes de peças não do mesmo modelo etc. Falei no meu pai, que estava em viagem, e ele uns dias depois apareceu me com o carro em casa!! Diverti me com o carro em trackdays, driftdays , perícias o máximo que pude até pegar nele em 2010 e encostar e dar lhe o devido restauro (2anos). Não tenho historias más destes 15 anos com este carro nas minhas mãos, estamos a falar que ele faz 34anos este ano, nunca me deixou a pé, nunca se negou a nada, desde fazer 200klm para ir fazer trackdays ao Vasco Sameiro ou ao Estoril e voltar no mesmo dia. O meu Ghostshark (nome carinhoso que as vezes lhe chamo), está um pouco diferente de quando eram vendidos na europa, sendo um Kouki (fase1) mantive muitos acessórios ainda, o que nestes dias são escassos, mas sendo eu louco por carros japoneses, transformei o meu ao gosto e moda do japão. Esta é a minha historia, sou Jairo Gomes, 36 anos e conduzo um ae86 com 34anos, que ainda hoje onde quer que passe faz rodar as cabeças a muita gente. #ae86life
Histórias Reais
Histórias Reais
Histórias Reais